© Pixabay
As aulas da rede estadual de ensino de São Paulo serão retomadas no próximo dia 27 através de programas de TV e materiais online, de acordo com o secretário da Educação, Rossieli Soares.

Em entrevista à imprensa, Soares explicou que o governo fechou parceria com a TV Educação (canal 2.3) e com a TV Univesp (canal 2.2) para que o conteúdo das aulas seja transmitido diariamente.

No canal 2.2, as aulas serão para a educação infantil e fundamental do 1º ao 5º ano. Já no 2.3, as disciplinas serão ministradas para estudantes do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e para os alunos do ensino médio.


O conteúdo também será distribuído através de um aplicativo. O aluno deve procurar na loja de apps por CMSP, sigla para Centro de Mídia SP. O governo afirma que irá custear a internet para alunos e professores que hoje não possuem acesso à rede.

Para preparar esses materiais, os professores deverão passar por um processo de treinamento entre quarta (22) e sexta-feira (24).

O secretário também comentou sobre o programa Merenda em Casa, subsídio no valor de R$ 55 mensais para a compra de alimentos que é distribuído aos 732 mil alunos da rede.

Rossieli Soares esclarece que essa quantia está sendo paga através do aplicativo PicPay. No entanto, o valor poderá ser sacado em bancos 24h, transferido para a conta dos pais, ou, até para a conta do mercado onde as compras foram feitas.