Imagem: Reprodução / Pirassununga ON
Circula pelas redes sociais desde este sabádo (29), um vídeo que mostra  enchente no distrito de Cachoeira de Emas em Pirassunungao, foi provocada pela abertura de comportas da barragem do rio Moji-Guaçu. O vídeo é #FAKE.

Nas  imagens mostra o rio Moji-Guaçu trasbordando e invadindo os Quiosques. Porém o vídeo, é de uma enchente ocorrida em 2016. O vídeo já conta com mais de 3 mil e 800 compartilhamentos. 


redação do Pirassununga ON e o O Movimento, entrou em  contato com o  secretário de Segurança Pública e Defesa CivilPaulo André Silva Tannús, e desmentiu o falso vídeo. 


Veja o vídeo 



Veja a publicação original



Consequências das Fake News
Divulgar Fake News é um ato muito perigoso. Compartilhar informações falsas, fotos e vídeos manipulados e publicações duvidosas pode trazer riscos para a saúde pública, incentivar o preconceito e resultar em mortes. Veja alguns exemplos:

• Linchamento de inocentes
Em 2014, o Brasil presenciou o caso de uma Fake News que teve um fim trágico. Notícia divulgada pelo UOL Notícias relatou que moradores de Guarujá/SP lincharam uma mulher até a morte por causa de um boato divulgado no Facebook. Ela foi acusada de sequestrar crianças para fazer rituais de magia negra, no entanto, a informação era falsa.



O uso das redes sociais para compartilhar notícias também perpetua a violência por causa das Fake News em outros países. A Índia é um cenário preocupante na divulgação de vídeos falsos pelo WhatsApp. Em 2018, cenas fictícias foram editadas e veiculadas como suposto sequestro de crianças em Rainpada, uma vila local na Índia. Desesperados, os moradores começaram a perseguir os supostos sequestradores, resultando na morte de cinco pessoas.Da redação Toni Oliveira - Pirassununga ON / É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo )
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Pirassununga On no WhaTsApp (19) 9 8294-5155