Imagem Ilustrativa 
Um pedreiro de 38 anos, morador no bairro Jardim Leonor Cristina em Pirassununga, registrou um boletim de ocorrência de lesão corporal e ameaça, na noite de domingo (10) por volta das 22h51, após ser agredido pela mulher, uma comerciante de 39 anos. Segundo a vítima, a autora a agrediu com unhadas.


O homem informou à polícia, que ele estaria realizando uma mudança dos filhos e ao chegar em casa  por volta das 21h50, a sua companheira passou a dizer que ele estaria com mulheres, " dizendo nomes inapropriados ", e passou a agredi-lo com unhadas, causando ferimentos no braço esquerdo. 

Veja também:  Pintor ameaça matar companheira, após ela receber mensagem no WhatsApp, em Pirassununga

homem ainda  informou à polícia, que a autora estava bêbada e jogou vários objetos na sua direção, contudo conseguiu desviar. Por fim a vitima informou que a autora a colocou para fora de casa e disse, caso voltasse, ou ela ou ele iria morrer. 

O caso foi registrado na Delegacia de Pirassununga, por onde deverá ser investigado. Ele foi orientado a procurar o Pronto Socorro da Santa Casa, para exame de corpo delito. O caso se enquadra na Lei Maria da Penha.


( Copyright © 2019, Toni Oliveira - Pirassununga ON. Todos os direitos reservados )