Jornal O Movimento

“Saidinha”: Mais de 700 detentos foram presos por descumprirem regras em SP

Infratores descumpriram as regras impostas pela Justiça para permanecer nas ruas. Foto: Edilson Dantas/Agência O Globo

A Polícia Militar prendeu mais de 700 detentos que descumpriram regras da ‘saidinha de fim de ano', que terminou na quarta-feira (3).
No balanço da PM de São Paulo, foram 631 infratores beneficiados com a medida e outros 81 que foram flagrados cometendo algum tipo de crime nos 20 dias de benefício. 

Só na região de Pirassununga, segundo a Polícia Militar do 36ºBPM/I, em Limeira, foram 18 detentos flagrados descumprindo as regras da saidinha desde o dia 23 de dezembro.


Durante as duas semanas, os presidiários foram flagrados infringindo normas e levados imediatamente ao estabelecimento prisional. Para o secretário da Segurança Pública, Guilherme Derrite, as prisões ajudam a "coibir a criminalidade e evitar a reincidência criminal”. 

O prazo para os presos beneficiados pela saída temporária retornarem ao sistema prisional terminou às 18 horas desta quarta. A partir de então, quem não se apresentou é considerado foragido. Aproximadamente 34 mil detentos foram liberados no estado para a “saidinha” de fim de ano.

Quer ficar ligado em tudo o que rola em Pirassununga e região? Siga o perfil do jornal O Movimento no Instagram e também no Facebook.

(É proibida a reprodução do conteúdo deste website em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do jornal O Movimento
Postagem Anterior Próxima Postagem