Jornal O Movimento

Pirassununga fica fora da primeira lista de municípios que receberão vacina de dengue

Vacina Qdenga, da Takeda, aprovada para uso contra a dengue no Brasil. — Foto: Divulgação / Takeda

Pirassununga ficou de fora da lista dos estados que receberão doses da vacina contra a dengue
, conforme anúncio feito pelo Ministério da Saúde nesta quinta-feira (25). Até esta quinta-feira (25) deste ano, a cidade registrou 60 casos confirmados da doença. Conforme dados da Vigilância Epidemiológica do Município, em 2023, foram confirmados 545 casos.

Além da dengue, foram confirmados nove casos de chikungunya, outra doença epidêmica que é transmitida pelos mesmos mosquitos vetores da dengue.

Continua após a publicidade

Segundo o Ministério da Saúde, não há doses o suficiente para todos os estados, por isso, foram definidos critérios de priorização para a escolha dos municípios. 

Ao todo, 521 municípios vão começar a aplicação na rede pública em fevereiro (veja a lista aqui). No estado de São Paulo, 11 cidades apareceram na primeira lista. 


O imunizante é encontrado na rede privada com preços que variam entre cerca de R$ 300 a R$ 400.

Quer ficar ligado em tudo o que rola em Pirassununga e região? Siga o perfil do jornal O Movimento no Instagram e também no Facebook.

(É proibida a reprodução do conteúdo deste website em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do jornal O Movimento
Postagem Anterior Próxima Postagem