Jornal O Movimento

Dia da Consciência Negra será feriado nacional a partir de 2024

Como a proposta já foi analisada e aprovada pelo Senado Federal, o próximo passo é a sanção presidencial. Foto: Agência Brasil

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (29) o projeto de lei que torna feriado nacional o Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro. A iniciativa teve 286 votos favoráveis e 121 contra. Como a proposta já foi analisada e aprovada pelo Senado Federal, o próximo passo é a sanção presidencial.

Com o nome de Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, a data que já é considerada feriado em seis Estados (Alagoas, Amazonas, Amapá, Mato Grosso, Rio de Janeiro e São Paulo) – e em mais de 1.000 cidades por meio de leis municipais e estaduais, será estendida a todo o território nacional.

De autoria do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) a proposta dividiu a opinião dos parlamentares durante a votação na Câmara. Para o deputado Chico Alencar (Psol-RJ) a data é fundamental para “celebrar a negritude” da população brasileira. Já para Otoni de Paula (MDB-RJ) a medida é um “erro” e trará malefícios a economia do País, porque o mês de novembro já tem muitos feriados.

Quer ficar ligado em tudo o que rola em Pirassununga e região? Siga o perfil do jornal O Movimento no Instagram e também no Facebook.

(É proibida a reprodução do conteúdo deste website em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do jornal O Movimento
Postagem Anterior Próxima Postagem