Jornal O Movimento

Salva vidas é homenageado por salvamento de mulher em Cachoeira de Emas

Salva vidas Luís Fernando Mazzi e o vereador César Ramos da Costa (PSD). © Toni Oliveira/jornal O Movimento

Na noite da última segunda-feira, 17, em sessão ordinária da Câmara Municipal,  o  
salva vidas Luís Fernando Mazzi, recebeu a moção de aplauso, por sua ação heroica no resgate de uma mulher no rio Mogi-Guaçu, no distrito de Cachoeira de Emas em Pirassununga, SP.

 "Ficamos todos comovidos, emocionados e orgulhosos em tê-lo como nosso salva-vidas", disse o vereador e autor da moção de aplauso, César Ramos da Costa (PSD), o Cesinha. 

O resgate

Imagem: Guto Mazzaf/FotografeOMovimento

O Salva Vidas Luís Fernando  fez um resgate arriscado e impressionante para salvar uma mulher que se jogou no rio Mogi-Guaçu no Distrito de Cachoeira de Emas, em Pirassununga, SP, na tarde deste sábado (8), por volta das 16h30.

Publicidade

O Salva Vidas foi acionado com a informação de populares de uma possível tentativa de suicídio. Com ajuda de barqueiros, imediatamente o Salva Vidas Luís Fernando, em ato de bravura, não pensou duas vezes e pulou para salvar a mulher. 

Imagem: Guto Mazzaf/FotografeOMovimento

Após retirar a vítima das águas, foi prestado todo o primeiro atendimento necessário no local e, posteriormente, 
ela foi entregue aos cuidados dos familiares. 

Imagem: Guto Mazzaf/FotografeOMovimento

Busque ajuda

O jornal "O Movimento" tem a política de publicar informações sobre casos de suicídio ou tentativas que ocorrem em locais públicos ou causam mobilização social. Isso porque é um tema debatido com muito cuidado pelas pessoas em geral. O silêncio, porém, camufla outro problema: a falta de conhecimento sobre o que, de fato, leva essas pessoas a se matarem.

Publicidade

Depressão, esquizofrenia e o uso de drogas ilícitas são os principais males identificados pelos médicos em um potencial suicida. Problemas que poderiam ser tratados e evitados em 90% dos casos, segundo a Associação Brasileira de Psiquiatria.

Está passando por um período difícil? O Centro de Valorização da Vida (CVV) pode te ajudar. O CVV conta com mais de 4 mil voluntários e atende mais de 3 milhões de pessoas anualmente. O serviço funciona 24 horas por dia (inclusive aos feriados), pelo telefone 188, e também atende por e-mail, chat e pessoalmente. São mais de 120 postos de atendimento em todo o Brasil (confira os endereços neste link).

Jornal O Movimento trazendo sempre o melhor conteúdo para você.  Quer saber mais sobre Notícias de Pirassununga e Região? Clique aqui


Postagem Anterior Próxima Postagem