Jornal O Movimento

CÂMERAS DA PM: Tarcísio descarta tirar câmeras em uniformes da PM

Projeto de câmeras em uniformes começou em 2020. Imagem: Divulgação/Governo de São Paulo

Tarcísio de Freitas descartou na quinta-feira (05) qualquer mudança no programa de câmeras em uniformes de policiais militares. A declaração do governador de São Paulo contraria a afirmação do secretário estadual da Segurança Pública, capitão Guilherme Derrite.

Derrite teria dito que haveria uma revisão e estudo sobre a efetividade da medida e que já até foi encomendado por ele. No entanto, para Tarcísio de Freitas, que foi contra câmeras e na campanha eleitoral teria mudado de ideia, o programa “trouxe segurança para a sociedade”.

Na época eleitoral, Tarcísio havia prometido que iria chamar forças de segurança e avaliar do ponto de vista técnico a efetividade ou não, além do aperfeiçoamento da política pública. As câmeras passaram a ser usadas por policiais em agosto de 2020, medida adotada pelo então governador João Dória, que tinha objetivo de dar transparência às ações policiais.

Pelo menos 10,1 mil câmeras foram instaladas nos uniformes de agentes de 64 organizações da polícia militar.
Postagem Anterior Próxima Postagem