Jornal O Movimento

Pit bull vítima de maus-tratos é resgatado em Pirassununga

Pitbull resgatado pela Polícia Militar Ambiental. Foto: Polícia Ambiental/Divulgação

A Polícia Militar Ambiental  resgatou, no sábado (3), um Pit Bull vítima de maus-tratos em uma residência no bairro Limoeiro em de Pirassununga (SP). O resgate aconteceu em uma operação, após uma denúncia anônima ao  canil municipal.

De acordo com o boletim de ocorrência, o animal foi encontrado acorrentado no corredor da residência com sinais de lesões no pescoço causadas pela corrente e cansaço por estar exposto ao sol. No local não tinha água limpa e nem alimento por perto do animal.

Segundo o dono da residência, disse aos policiais e veterinários do canil municipal, que o cachorro fica preso por ser agressivo e avançar em outros animais.

O homem foi levado ao Plantão Policial, onde foi ouvido e liberado após receber uma multa de R$ 3 mil. O cachorro foi levado para o canil municipal para receber atendimento médico.

Pitbull resgatado tinha marcas de lesão provocadas pela corrente. Foto: Polícia Ambiental/Divulgação

Crime

Deixar o animal preso a correntes ou cordas, mantê-lo em locais pequenos, sujos, sem ventilação, sem espaço para locomoção, sem acesso à água tratada, sem alimentação adequada e diária, sem assistência veterinária quando adoece ou se acidenta são atos definidos como maus-tratos.

A Lei de Crimes Ambientais prevê a pena dois a cinco anos de prisão por maus-tratos. O texto também prevê multa e proibição da guarda para quem praticar os atos contra esses animais.


Postagem Anterior Próxima Postagem